O Latin America’s 50 Best Restaurants, única premiação da gastronomia da América Latina, anuncia que Claude Troisgros é o ganhador do prêmio Diners Club® Lifetime Achievement 2016, pela relevância de sua carreira e por sua contribuição para a gastronomia regional. Esta honraria foi entregue durante a cerimônia de premiação do Latin America’s 50 Best Restaurants, que é patrocinado pela S.Pellegrino & Acqua Panna, no México ontem.

Quando Claude partiu da França para o Brasil em 1979, sua intenção era de permanecer aqui por dois anos, no máximo.  Hoje, quase quatro décadas depois, Claude Troisgros é um apaixonado pelo Rio de Janeiro.

claude_thomas_troigros_olympe_infood

Sinônimo notável e inovador da culinária francesa, a família Troisgros estabeleceu uma reputação estelar ao longo de quatro gerações. O avô de Claude, Jean-Baptiste, criou um furor nos círculos gastronômicos, emparelhando peixe com vinho tinto mais de cinco décadas atrás. O pai de Claude, Pierre, e o falecido tio, Jean, transformaram o modesto restaurante da família numa casa três estrelas Michelin, em Roanne. E, juntamente com o colega, o chef Paul Bocuse, os dois irmãos revolucionaram a cozinha francesa nos anos sessenta e setenta, com o pioneirismo na Nouvelle Cuisine.

Nascido em uma família famosa e crescendo no andar de cima  do seu restaurante, o jovem Claude era capaz de fazer uma ‘beurre blanc’ antes que a maioria das crianças pudesse amarrar seus cadarços. Ele teve um aprendizado com Bocuse, aos 16 anos, e de lá  foi trabalhar em alguns dos melhores restaurantes da Europa, incluindo Taillevent em Paris, The Connaught em Londres e Tantris em Munique. Foi quando o pai entrou na cozinha Troisgros e perguntou “quem quer ir para o Rio?” Foi assim que a vida e a carreira de Claude se transformou.

olympe_ambiente_infood

Trabalhando para o famoso chef Gaston Lenôtre, no Le Pré Catalan no Rio, Claude rapidamente apaixonou-se, tanto pela cidade quanto pela mulher com quem iria se casar e, posteriormente, ter dois filhos. Ele começou a trabalhar com produtos nativos do Brasil e desenvolveu um estilo de cozinha ‘tropical francesa’ que se tornou sua assinatura. Um pequeno restaurante no Rio chamado Roanne cresceu rapidamente em popularidade e, em 1983, abriu o homônimo Claude Troisgros, que foi renomeado Olympe duas décadas mais tarde.

olympe_cardapio_2

Já são  37 anos de Brasil, pontuado com passagens por Nova York e Miami, mas Claude sempre voltou para a Cidade Maravilhosa, onde agora mantém o Olympe, um enorme sucesso com o filho Thomas. Várias vezes eleito o melhor chef do Rio, ele já recebeu reconhecimento de quase todas as publicações importantes do Brasil. Ele é tão popular na indústria quanto do público, onde ele é conhecido como o apresentador do programa de televisão “Que Marravilha!”.

olympe_cardapio

Adotando ingredientes nativos do Brasil com técnicas francesas em pratos como carpacio de palmito e soufflé pancake caramelizada com molho de maracujá, o chef assimilou tão perfeitamente a cultura brasileira, integrando coração e mente do país que adotou como sua casa. Como ele se aproxima de completar quarenta anos na América Latina, este reconhecimento é uma homenagem ao seu incrível trabalho,  que ajudou a projetar o nome da família tanto no Brasil como na França.

 

 

Via Latin America's 50 Best Restaurant

Fotos:  Tomas  Rangel

 

Uma ideia sobre “Claude Troisgros é homenageado pela relevância da sua carreira”

  1. Tão ou mais importante quanto o prêmio, é o trabalho desenvolvido por este gênio da gastronomia brasileira, é assim que ele vê sua cozinha. Ele mesmo já declarou diversas vezes que não faz comida francesa e que não se sente francês, ele é sim um franco-brasileiro com alma brasileira e com raízes fincadas à fundo em nossa cultura. Quem tem a oportunidade e o prazer de experimentar um prato executado por ele, percebe cada passo e cada sabor permeado com essa brasilidade que ele, Claude, faz questão que esteja presente. Seus filhos seguem o mesmo legado, tanto na cozinha, como na administração dos negócios da família.
    Um dos lemas é sempre ter presente ingredientes da nossa terra Brasil em cada momento nas criações pratos e, para isso, devemos dar valor aos produtores locais.
    Parabéns esse cidadão franco-brasileiro, cozinheiro e verdadeiramente Chef!

Deixe uma resposta

Conheça o Ad Astra Institute, uma escola de gastronomia em Melbourne

Publicidade
Publicidade

Para receber a newsletter Infood, digite seu e-mail no box abaixo e clique na seta.

© 2017 Infood - Todos os direitos reservados