midias_sociaisConfesso que achava as mídias sociais uma grande bobagem até o dia que fechei negócios pelo facebook e, desde então, mudei, de vez, minha opinião sobre elas. É certo que as mídias sociais deram nova voz ao consumidor final, além de uma capilaridade a nível mundial. Não há como negar isso! As empresas devem ficar atentas e marcar sua presença online nos diversos canais onde se encontram seus clientes para que possam atuar de forma dinâmica e interativa.

Em tempos de internet, é crucial marcar presença na grande rede. Não podemos ignorar as mídias sociais. O acesso é praticamente imediato e está ao alcance do consumidor em poucos cliques. A presença digital, nos dias de hoje, é tão importante que o sommelier deve se posicionar como autoridade no assunto e saber atuar de forma pró-ativa e gerando conteúdo de valor. As mídias sociais trazem um maior dinamismo ao mercado de hospitalidade sendo, de suma importância, que os estabelecimentos do setor acompanhem de perto tudo que está acontecendo no meio digital.

Os empresários estão conscientes dessa nova realidade, mas na maioria das vezes não sabem por onde começar. A consciência dessa nova realidade, por parte do empresariado de A&B, já é um passo muito importante, mas é preciso agir. E só poderá agir e colher resultados se conhecer bem quem é seu consumidor, para poder falar adequadamente com ele, além, é claro, de saber a melhor linguagem para cada tipo de mídia social.

Aproximadamente 60% dos brasileiros têm acesso à internet e, desse montante, 98% usam as redes sociais. De acordo com a pesquisa “Hábitos de consumo de mídia pela população brasileira”, de 2015, da Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República, 76% das pessoas em território nacional acessam a internet todos os dias, com uma exposição diária de quase 5 horas, durante a semana, e de 4 horas e 24 minutos nos finais de semana. As redes sociais mais acessadas em 2015 foram: facebook, whatsApp, youtube, instagram, google+, twitter, skype e linkedin.

Cada rede social tem sua própria cultura e padrões de comportamento. Ao compreender as características simples de cada uma dessas mídias, você poderá publicar conteúdo no melhor momento para alcançar o maior número possível de pessoas. Embora não haja uma regra universal pelas particularidades de cada negócio e público-alvo, recomenda-se usar 3 regras básicas em seu plano de comunicação:

  • Planejar uma tabela de horários e frequência inicial;
  • Analisar os indicadores de engajamento;
  • Repetir o processo para os melhores horários e alterar quando necessário.

Para facilitar a vida dos sommeliers e empresários engajados digitalmente, trago abaixo o levantamento do blog – Viver de Blog – sobre os horários nobres das principais redes sociais e que lhes ajudarão a se posicionar melhor no mundo online, assim:

  • Twitter – das 13h às 15h (de segunda a quinta-feira): menos é mais! Em geral, tweets curtos geram maior engajamento que tweets com mais de 100 caracteres;
  • Facebook – das 13h às 17h (em dias de semana, é a faixa horária com maior média de cliques): há um aumento gradual do tráfego a partir das 9h. O horário de pico é às 15h, principalmente às quartas-feiras. Saiba os horários mais ativos do seu público-alvo no painel da sua fanpage, em publicações;
  • LinkedIn – antes ou depois do horário comercial, sendo o melhor horário entre 17h e 18h de terça à quinta-feira. Terças e quintas são os dias da semana em que redes sociais recebem maior tráfego de pessoas de negócios;
  • Instagram – das 17h às 18h em dias úteis: os dias de maior interação dos usuários são sábado e domingo, especialmente domingo entre 13h e 18h;

Soma-se a estas mídias sociais, o Inbound Marketing!

Mas afinal, o que é Inbound Marketing?

É uma forma de pensar, relativamente nova, baseada na ideia de compartilhamento e criação de um conteúdo de qualidade direcionado para seu público-alvo, utilizando táticas de marketing online. Esta personalização age como um imã que atrai potenciais leads e clientes quando eles estão à procura de produtos e/ou serviços. Em outras palavras, Inbound marketing é qualquer tática de marketing aplicável que se baseia em ganhar interesse das pessoas em vez de comprá-las.

O declínio do Outbound Marketing é uma resposta à uma mudança recente e fundamental no comportamento do consumidor moderno. As pessoas estão cada vez mais no controle de quais informações desejam consumir, como receber e interagir com elas.

A grande vantagem do Inbound Marketing é que ele integra vários canais e componentes como: infográficos, ebooks, webnários, e-mails, blogs, vídeos online, mídias sociais, podcasts dentre muitos outros. O objetivo é ganhar a atenção dos clientes habituais e potenciais, tornando-se facilmente encontrável na internet e conduzir os consumidores para seu site através da geração de conteúdo que as pessoas consideram valioso.

Como alavancar as vendas de vinhos?

 A sugestão, aqui, é um passo-a-passo básico, pois dependerá do nicho de atuação do seu negócio e de como você se apresentará ao mercado, ou seja, como consultor-sommelier, consultor de vinhos ou sommelier. Assim:

  1. Definir e conhecer bem seu público-alvo;
  2. Identificar em quais mídias sociais seu público-alvo está presente. Essa é uma forma de produzir conteúdo orgânico para seu consumidor. Onde ele vive? O que faz? Qual o tipo de consumo dele? Onde compra? Onde costuma ir? Essas são perguntas essenciais para definir um plano de comunicação em suas redes sociais;
  3. Gerar conteúdo relevante para esse público utilizando o Inbound Marketing;
  4. Trabalhar o funil de vendas do Inbound Marketing para que as marcas e estabelecimentos tenham maior engajamento orgânico:
    1. Planejamento – identificar as necessidades;
    2. Alcance – pesquisar e explorar;
    3. Ação – tomar decisões;
    4. Conversão – agir;
    5. Engajamento – ganhar fãs e clientes.

Bom, esse assunto é fascinante, extremamente atual e com muito conteúdo a ser compartilhado que, infelizmente, não tenho como esgotá-lo em um único post, mas, na certeza, que o passo-a-passo descrito acima, lhe ajudará a sair da inércia e fazê-lo agir para ter uma presença online que traga resultados.

Saúde,

Texto – Rafael Puyau

 *Rafael Puyau (contato@rafaelpuyau.com.br) consultor-Sommelier com formação em enologia pelo Centre de Formation Professionnelle et Promotion d’Aude (CFPPA) em Narbonne, Sul da França é formado em sommelier pelo Instituto de Vinhos da Argentina. Certificado nível 3 pela Wine and School Education Trust (WSET), escola de vinhos de Londres e consultor empresarial pela Faculdade Arthur de Sá Earp (FASE) em Petrópolis. 
Instagram rpuyau
banner_coluna

 

 

Deixe uma resposta

Gastronomia Social: um agente de transformação

Publicidade

Publicidade
-->
-->

Para receber a newsletter Infood, digite seu e-mail no box abaixo e clique na seta.

© 2017 Infood - Todos os direitos reservados