No dia 25 de setembro, Henrique Fogaça irá inaugurar a filial do Sal Gastronomia no shopping Cidade Jardim, em São Paulo.

O chef, que além de estar à frente do Sal Gastronomia, Admiral’s Place, Cão Véio e Jamile, também é jurado do reality show MasterChef Brasil e vocalista e compositor da banda de hardcore Oitão.

Fogaça, 43, chegou a cursar Arquitetura e Administração, mas descobriu que era na cozinha onde estava seu dom e sua paixão. Então decidiu fazer Gastronomia na FMU e foi vender sanduíches na rua.

Esse paulista de Piracicaba, mas que foi criado em Ribeirão Preto, conta que a filial será bem maior do que a matriz de Higienópolis, já que o novo espaço contará com 150 lugares. O Sal oferece pratos autorais com muita personalidade, elaborados com ingredientes de qualidade.

A Infood conversou com Henrique Fogaça durante o Taste of São Paulo, evento em que o chef ministrou uma oficina de farofas.

Aula de Henrique Fogaça no Taste of São Paulo 2017

INFOOD – Como surgiu a ideia de abrir o Sal Cidade Jardim?

HENRIQUE FOGAÇA – Eu tenho o Sal há 13 anos e, de um ano para cá, o pessoal do shopping Cidade Jardim me procurou com a ideia de que eu montasse um Sal lá.

INFOOD – Qual o conceito dessa filial do Sal?

FOGAÇA – Eu diria que 80% dos pratos que vai ter lá são pratos que consagraram o Sal, até porque tem muita gente que mora do outro lado da ponte que não vai até a Paulista para ir ao meu restaurante. E vai ter também algumas novidades que eu estou acrescentando. Mas os pratos principais vão estar lá, como o atum, o javali, o cupim, o pato.

Vai ser um restaurante com um som um pouquinho mais alto, uma casa um pouquinho mais moderna.

O tapume no shopping Cidade Jardim com a previsão da abertura

INFOOD – Quando irá abrir o novo Sal?

FOGAÇA – Estamos trabalhando 24 horas por dia na reforma para que o restaurante possa ser inaugurado no dia 25 de setembro. Essa é a previsão de inauguração.

INFOOD – No Taste of São Paulo, você deu uma aula sobre farofas. Qual o segredo de uma farofa perfeita?

HENRIQUE FOGAÇA – Com certeza a qualidade da matéria prima, uma boa farinha, o tempero. E ela tem que ser crocante.

A primeira unidade do restaurante Sal fica na região da Avenida Paulista

INFOOD – Como você vê o plágio na cozinha?

FOGAÇA – As receitas estão aí. Eu sou um cara que vejo pessoas usando a receita que eu criei. O plágio faz parte.

INFOOD – Quais as suas expectativas para o próximo MasterChef Profissionais?

FOGAÇA – Ele está pesado, com várias provas difíceis. Tem cozinheiros bons e cozinheiros ruins. O bicho vai pegar e a casa vai cair para quem não cozinhar bem.

 

 

Por Redação

Fotos: João Rubens Shinkado / Divulgação

 

Deixe uma resposta

Conheça o Ad Astra Institute, uma escola de gastronomia em Melbourne

Publicidade
Publicidade

Para receber a newsletter Infood, digite seu e-mail no box abaixo e clique na seta.

© 2017 Infood - Todos os direitos reservados