Giovanna Grossi venceu o Bocuse d’Or América Latina, realizado na última semana, durante o Sirha na cidade do México. A brasileira venceu 20 competidores e agora tem vaga garantida para a final na França. Giovanna treinou na escola de Laurent Suaudeau nos últimos meses e contou com apoio do cumim Nicholas Santos, 20 anos, e do treinador Victor Vasconcellos.

A alagoana, que foi a primeira mulher a vencer uma final brasileira do Bocuse D’Or, colocando o Brasil na final da competição, é formada pela Anhembi Morumbi, com experiência na França e na Espanha. A chef é uma mostra do desenvolvimento de nosso mercado e como os jovens brasileiros estão cada vez mais bem preparados.

bocuse_d'or_america_latina_giovanna_grossiA chef Giovanna Grossi e a equipe brasileira com o chef Laurent Suaudeau

O Bocuse d’Or é a competição mais reconhecida no mundo internacional da alta gastronomia. A cada dois anos, os melhores chefs do mundo se reúnem em Lyon para testar suas habilidades culinárias. O próximo encontro, que terá Giovanna como participante, acontecerá nos dias 24 e 25 janeiro de 2017 durante o Sirha Expo 2017.

O prêmio foi criado em janeiro de 1987, pelo chef Paul Bocuse, que imaginou um concurso revolucionário, inspirado na organização de grandes eventos esportivos. Sua ideia era reunir 24 jovens chefs de todo o mundo , os melhores talentos de sua geração, e desafiá-los para criar pratos em um tempo de 5 horas e 35 minutos, ao vivo, diante da platéia.

bocuse_d'or_america_latina_giovanna_grossi_4A delegação brasileira comemora o prêmio com a chef Giovanna Grossi

 

Redação
Fotos - Bocuse D'Or Latin America 2016

 

Uma ideia sobre “Giovanna Grossi vence o Bocuse D’Or América Latina”

Deixe uma resposta

Todo cozinheiro precisa saber fazer sobremesa ?

Publicidade
Publicidade
© 2017 Infood - Todos os direitos reservados