A promoção Monopoly,  um dos maiores sucessos da rede McDonalds, com mais 60 ações realizadas em 15 países, chega a sua terceira edição no Brasil. Reconhecida pela quantidade e qualidade dos prêmios que oferece, a edição deste ano contará com um prêmio especial: um certificado de barras de ouro no valor de um milhão de reais.

Em 2013, na primeira edição, a empresa atribuiu um crescimento de 47% de suas vendas nas primeiras semanas de campanha, mas não revelou números finais das ações. Este ano, a promoção acontecerá do dia 28 de abril até 9 de junho, um total de 43 dias. Para participar, os consumidores devem comprar produtos indicados na promoção e assim farão direito a um selo promocional, que pode garantir prêmios de 3 formas: achou ganhou; achou, juntou, trocou e pela modalidade de sorteio.  São mais de 835 mil prêmios em produtos duráveis e serviços e pouco mais de 6 milhões de brindes em produtos alimentícios da rede.

mcdonalds_monopoly_2

 

O McDonalds conta com a parceria de outras empresas para esse projeto, como a Coca-Cola, Decolar.com, Hasbro, McCain, Nissan, Oreo, Panasonic, Sadia, Revista Superinteressante, Terra Música Napster, Visa e Yamaha.

A promoção combina o forte apelo dos prêmios achou ganhou, baseados na distribuição de produtos na rede, que ampliam a percepção do benefício com uma maior chance de distribuição, mas requer um envolvimento maior dos consumidores nas outras duas modalidades de premiação. Num momento de redução de vendas e necessidade de reversão dos resultados, é uma forte aposta para ampliar a venda dos produtos envolvidos na mecânica.

Esta é uma ação pontual e com potencial para ampliação do volume de vendas no período, mas com pouco potencial de gerar aumento no consumo futuro. Conta com um ótimo desenvolvimento lúdico, mas poderia estar apoiada no lançamento de novos lanches que poderiam ganhar com o período de promoção, com uma maior experimentação. O envolvimento de Coca-Cola, McCain e Sadia demonstram o potencial que os fornecedores têm nesta rede para ações cooperadas que ampliem venda em benefício das duas operações.

 

Redação

 

Deixe uma resposta

Márcio Silva: “No Buzina nós fazemos o que a gente gosta, cozinhamos o que a gente come”

Publicidade
Publicidade
© 2017 Infood - Todos os direitos reservados