Osteria Francescana é eleito o melhor restaurante do mundo na lista “The World’s 50 Best Restaurants 2016”. A lista foi divulgada em cerimônia no Cipriani Wall Street, em Nova Iorque, e reuniu a comunidade mais talentosa da gastronomia mundial. O restaurante brasileiro Lasai passa a figurar o ranking dos 100 melhores restaurantes do mundo, e com isto, o Brasil passa a contar com três restaurantes entre os 100 melhores do mundo.

O restaurante do chef Massimo Bottura, em Modena, Itália, chegou ao primeiro lugar no ranking pela primeira vez, mas já brilhava há bastante tempo, sendo número 3 em 2013 e 2014, e número 2 em 2015. A casa de Modena é reconhecida pela tradição do uso de ingredientes culinários italianos. Seu menu inclui clássicos deliciosamente executados, tais como o taglietelle com ragu e o risoto cozido com molho de vitela.

massimo_botura_osteria_francescana Chef Massimo Bottura – Osteria Francescana de Modena – Itália

Este é um grande ano da cozinha italiana, que além do primeiro lugar na lista, coloca outros 3 restaurantes entre os 50 melhores: Le Calandre de Rubano fica com  o nº 39, Piazza Duomo de Alba sobe 10 possições e chega ao nº 17  e Combal Zero de Rivoli faz sua re-entrada na lista no nº46.

A Espanha comemora o maior número de restaurantes na lista, com três restaurantes no top 10, incluindo El Celler de Can Roca de Girona, agora nº2 (tinha sido o nº1 em 2015), Mugaritz de San Sebastian é o nº7 e Asador Etxebarri de Axpe é o nº10. Entre os 50 melhores também se destacam o Arzurmendi, o Arzak, o Tickets e o Quique Dacosta, com o detalhe que todos já estavam na lista dos 50 melhores de 2015.

the_best_restaurants_2016Premiados na lista dos 50 melhores do mundo

O Brasil manteve o D.O.M. na lista dos 50 melhores e este ano é o nº11, em 2015 tinha sido o nº 9 e em 2014 o nº 7. A casa de Alex Atala se mantém entre os melhores do mundo, mas deixa o top 10. O Maní continua na lista dos 100 melhores, mas deixa a lista do 50 melhores, sendo agora o nº 51, depois de ser nº41 em 2015 e o nº 36 em 2014. A boa notícia fica por conta da estréia do restaurante Lasai, do Rio de Janeiro, na lista dos 100 melhores do mundo. Com isto, apesar de termos perdido algumas posições, passamos a contar com 3 restaurantes entre os 100 melhores do mundo.

lasai_restaurante_rio_de_janeiroO chef Rafa Costa e Silva e parte da equipe do Lasai

O resultado confirma o duro trabalho para manter uma casa no topo das listas mundiais. Este ano, 8 restaurantes deixaram a lista do 50 melhores, e 4 restaurantes chegaram pela primeira vez e outros 4 retornaram às primeiras posições da lista. Entre os 10 melhores, 7 restaurantes se mantiveram e 3 casas subiram para o topo do ranking.

William Drew, editor do grupo “The World’s 50 Best Restaurants”, afirma:“Foi um ano extremamente emocionante, com o lançamento da turnê mundial e nosso primeiro evento de premiação em Nova Iorque. É fantástico ter uma variedade do talento gastronômico comemorado aqui esta noite. À medida que o apetite para alcançar novas alturas gastronômicas cresce, nos sentimos privilegiados por desempenhar um papel nesta viagem de descoberta e estamos orgulhosos de reunir esta comunidade única de extraordinários visionários dentro da indústria”.

the_best_restaurants_2016_2Joan Roca, Massimo Bottura e Daniel Humm, chefs respectivamente  do 2º, 1º e 3º melhores restaurantes do mundo

A lista “The World’s 50 Best Restaurants” continuará sua turnê mundial em 2017, pousando em Melbourne, Austrália, para apresentar a próxima edição da lista e prêmios.

Como a escolha da lista é feita

A lista dos 50 Melhores Restaurantes é compilada a partir dos votos de um influente grupo de quase 1.000 líderes internacionais na comunidade de restaurantes. A Academia é composta de 27 regiões separadas ao redor do
mundo, cada uma com 36 membros, incluindo o presidente, e cada membro pode lançar sete votos. Desses sete, pelo menos, três votos devem reconhecer restaurantes fora  da região do membro da academia. O painel em cada região é composto por críticos, chefs, restaurateurs e os “gastrônomos”.  Os membros da lista fazem suas escolhas a partir de suas preferências, com base em suas experiências de restaurantes dos 18 meses anteriores. Não há check-list pré-determinado de critérios, mas existem regras de votação estritas. A lista dos 50 Melhores Restaurantes do Mundo é independentemente auditada pela consultoria Deloitte. Esta adjudicação garante a integridade e autenticidade do processo de votação.

 

Confira a lista 2016 em ordem decrescente:

50 Septime, Paris, França RETORNO À LISTA

49 Quique Dacosta, Dénia, Espanha

48 Blue Hill at Stone Barns, New York, USA

47 Schloss Schauenstein, Fürstenau, Suíça

46 Combal Zero, Rivoli, Itália RETORNO À LISTA

45 Dinner by Heston Blumenthal, Londres, Inglaterra

44 Estela, New York, USA NOVO NA LISTA

43 Biko, Cidade do México, México

42 Ultraviolet by Paul Pairet, Shanghai, China

41 Fäviken, Järpen, Suécia

40 Relae, Copenhagen, Dinamarca

39 Le Calandre, Rubano, Italia

38 De Librije, Zwolle, Holanda RETORNO À LISTA

37 Nahm, Bangkok, Tailândia

36 Boragó, Santiago, Chile

35 Vendôme, Bergisch Gladbach, Alemanha

34 Restaurant Tim Raue, Berlin, Germany NOVO NA LISTA

33 Attica, Melbourne, Australia

32 Restaurant André, Singapura

31 Nihonryori RyuGin, Tokyo, Japão

30 Astrid y Gastón, Lima, Peru

29 Tickets, Barcelona, Espanha

28 Geranium, Copenhagen, Dinamarca RETORNO À LISTA

27 Saison, San Francisco, USA NOVO NA LISTA

26 The Clove Club, Londrês, Inglaterra NOVO NA LISTA

25 Pujol, Cidade do México, México

24 Le Bernardin, New York, USA

23 Gaggan, Bangkok, Tailândia

22 The Test Kitchen, Cape Town, África do Sul

21 Arzak, San Sebastian, Espanha

20 Amber, Hong Kong, China

19 Arpège, Paris, França

18 White Rabbit, Moscou, Rússia

17 Piazza Duomo, Alba, Itália

16 Azurmendi, Larrabetzu, Espanha

15 Alinea, Chicago, USA

14 The Ledbury, Londrês, Inglaterra

13 Maido, Lima, Peru

12 Quintonil, Cidade do México, México

11 D.O.M., São Paulo, Brasil

10 Asador Etxebarri, Axpe, Espanha

9 Steirereck, Vienna, Austria

8 Narisawa, Tokyo, Japão

7 Mugaritz, San Sebastian, Espanha

6 Mirazur, Menton, França

5 Noma, Copenhagen, Dinamarca

4 Central, Lima, Peru

3 Eleven Madison Park, New York, USA

2 El Celler de Can Roca, Girona, Espanha

1 Osteria Francescana, Modena, Italy

 

Serviço:
PDF com a lista – TheWorlds50BestList2016

 

Por Redação

Fotos: divulgação

Uma ideia sobre “Osteria Francescana é eleito o melhor restaurante do mundo e o brasileiro Lasai também brilha”

Deixe uma resposta

Chef Meia Noite, do Capim Santo: “Não escolhi a cozinha: ela que me chamou”

Publicidade
Publicidade

Para receber a newsletter Infood, digite seu e-mail no box abaixo e clique na seta.

© 2017 Infood - Todos os direitos reservados