Fui surpreendido por um folheto no restaurante Viena oferecendo a possibilidade de comprar um kit de alimentos de uma receita do restaurante na sua casa. Em parceria com a empresa Cheftime, a rede de restaurantes está disponibilizando suas receitas para que o consumidor possa cozinhar em sua casa.

O Cheftime é um clube de assinatura voltado para quem gosta de cozinhar em sua casa. O consumidor escolhe a assinatura que mais lhe agrada,as receitas no cardápio da semana e passa a receber o kit com ingredientes na medida e um passo a passo para que ele possa preparar os pratos em sua casa.

O produto é muito interessante. Só não entendo o motivo de usarem na comunicação a expressão: “Estamos construindo uma comunidade de chefs de cozinha”. O mais adequado é escrever que estão construindo uma comunidade de cozinheiros. Chef de cozinha é uma função. Em casa, dificilmente alguém vai assumir esta posição. Isto não inviabiliza a excelente ideia, com destaque para a parceria com a rede de restaurantes Viena.

Parceria Viena Cheftime

O restaurante Viena desenvolveu uma receita de maminha assada ao forno em baixa temperatura e regada ao vinho branco, com um molho de tomate com manjericão para complementar o sabor. Como acompanhamento, batatas rústicas temperadas com páprica. Quando lançamos nossa matéria, em janeiro de 2018, o valor deste pacote era de R$79,90, com recomendação de rendimento para 2 pessoas.

kit com ingredientes na medida certa

O mercado de kits de alimentos

No Brasil, ainda estamos vendo o desenvolvimento deste mercado de kits de alimentos. A Chefline, segundo matéria da Folha de São Paulo, é uma ideia da empresária Daniella Mello e tem como um dos sócios Guilherme Bonifácio, um dos fundadores do aplicativo de entrega iFood.

A ideia do clube de assinaturas permite o desenvolvimento de uma cadeia de fornecedores selecionados,  atendendo a um grupo de consumidores que gosta de cozinhar em sua casa. Os kits também permitem a possibilidade de se atender a demandas especiais como cardápios orgânicos, vegetarianos, veganos,  e até mesmo desenvolver receitas para dietas mais restritivas.

O Cheftime promove eventos de experiência gastronômica para difundir seu conceito

 

Kits de refeições nos Estados Unidos

Nos Estados Unidos já existem mais de 150 serviços de kits de refeição, que geraram cerca de US$ 1,5 bilhão em vendas.  A novidade vem atraindo grandes empresas para este mercado, com o Amazon. Os kits são complementados com a oferta de receitas e links com vídeos que ensinam como o prato deve ser preparado.

Alguns players deste mercado:

Blue Apron – Líder de mercado, cobra US$ 60 por semana para entregar uma caixa com 3 refeições para duas pessoas.

https://www.blueapron.com/

Amazon Meal Kit – Em operação desde junho apenas em Seatle, o serviço oferece refeição para duas pessoas com preços entre US$ 16 e US$ 20 e taxa de entrega de US$ 10.

https://www.amazon.com/b?node=15709227011

Sakara Life – Oferece produtos orgânicos e vegetarianos em pacotes individuais com refeições para 3 dias por um custo mais elevado, de US$ 239.

https://www.sakara.com/

Este é um dos mercados que deve ganhar grande impulso no Brasil nesta ano de 2018. Entendo que ele oferece oportunidades para os grupos gastronômicos. Hoje a complexidade logística está facilitada com empresas prestadoras de serviço. A Cheftime utiliza os serviços da Rapiddo, uma plataforma de entrega  que conta com motoboys e bikers e presta serviços para operações no mercado.

O kits de alimentos  também geram a possibilidade para uma outra atuação dos cozinheiros, que podem sugerir receitas e desenvolvimentos, preparando o passo a passo no papel e em vídeo. Um mercado potencial para desenvolvimento de novas ideias.

Cheftime

https://www.cheftime.com.br/

https://www.facebook.com/cheftime

 

Novidades

Quase tudo pronto para filial do Cabana Burger no Shoping Morumbi

Nossa equipe conseguiu flagrar a nova loja do Cabana Burger. Será a 5ª loja da rede, se considerarmos a filial Takeout & Delivery. Em fase final de acabamento, a loja deve ser inaugura em breve. No site da hamburgueria também já está prevista uma outra unidade, na Vila Madalena.

http://cabanaburger.com.br/

https://www.facebook.com/cabana.burger

 

Casa de Ieda, restaurante brasileirinho no largo da Batata

Luiza Fecarotta destaca no jornal Folha de São Paulo o novo restaurante do Largo da Batata.  Ieda mattos, 46, acaba de abrir o Casa de Ieda, homenageando a Chapada Diamantina com esmero e simplicidade. Miudinho, traz certo aconchego familiar, xilogravuras, marmitas coloridas de ágata, um capricho.

Casa de Ieda – Rua Ferreira de Araujo, 841 – Pinheiros

https://www.facebook.com/Casa-de-ieda-142293543202381/

Você pode ler a matéria na íntegra no site do jornal:

http://www1.folha.uol.com.br/saopaulo/2018/01/1950158-novo-restaurante-do-largo-da-batata-homenageia-a-chapada-diamantina.shtml

Assador Rio’s, a nova casa de Jair Coser

O novo restaurante de Jair Coser, fundador das churrascarias Fogo de Chão e Corrientes 348, fica no Aterro do Flamengo. Seguirá a mesma faixa de preço dos outros negócios do empresário. Está em fase adiantada de conclusão, mas ainda não tem data para inauguração confirmada.

Você pode ler a matéria na íntegra no site do jornal:

http://blogs.oglobo.globo.com/gente-boa/post/assador-rios-que-abre-no-lugar-do-antigo-porcao-recebe-mobilia.html

Notícias

Na web, venda de alimento fresco cresce rápido

O jornal Valor Econômico destaca o crecimento deste mercado na internet. Considerada uma nova fronteira no comércio eletrônico mundial, o varejo on-line de alimentos frescos começa a ganhar corpo no Brasil. Grandes redes de supermercados preparam-se para ampliar as vendas on-line no país, ao mesmo tempo em que companhias novatas desenvolvem serviços diferenciados na categoria.

A consultoria Ebit estima que a venda on-line de alimentos frescos não chega a representar 0,5% do total movimentado pelo comércio eletrônico, o que significa vendas de aproximadamente R$ 240 milhões em 2017.

Você pode ler a matéria cadastrando-se no site do jornal:

http://www.valor.com.br/empresas/5264271/na-web-venda-de-alimento-fresco-cresce-rapidamente

 

Reginaldo Andrade

randrade@infood.com.br

A coluna Restaurant Man traz as principais notícias da semana 03  (15/01 a 21/01 de 2018), um resumo do que foi noticiado nos principais jornais e revistas e do que foi apurado por nossa equipe.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

O balanço dos números da Educação Superior em Gastronomia no Brasil

Publicidade
Publicidade

Para receber a newsletter Infood, digite seu e-mail no box abaixo e clique na seta.

© 2018 Infood - Todos os direitos reservados