Marco Antonio Pancotte Amatti é um dos sócios da Mapa Assessoria, empresa voltada aos negócios em alimentação fora do lar, fundada em 2014. Ele também faz parte da FCSI, sociedade sem fins lucrativos atuando em consultoria, em 48 países, entre eles no Brasil, e que conta com 1.500 membros no mundo, sendo que no Brasil há 20 membros.

Em conversa com a Infood, este experiente consultor discorreu sobre como a crise tem afetado o setor de foodservice, deu dicas para quem precisa contratar um consultor, além de recomendações para que um negócio gastronômico não faça parte do grupo de estabelecimentos que fecham no primeiro ano de existência.

Desempenho do setor de foodservice em 2018

A crise vivida pelo Brasil não afetou o desempenho do setor de foodservice no ano de 2018. Eu vejo que a crise gerou oportunidades na alimentação fora do lar. Embora o ano tenha sido duro, vários empresas e redes do setor se destacaram, adquirindo pontos melhores, adquirindo outras empresas. Se o ano foi ruim para boa parte do mercado, também foi um ano de oportunidades para outros.

Expectativas para 2019

As expectativas são muito boas, porque as pessoas estão mais animadas. Após as eleições, algumas empresas de fora do país passaram a reinvestir no Brasil. Até projetos que estavam parados por anos voltaram a ser retomados. A verdade é que, ter uma definição política era muito importante. 2019 irá colher frutos disso.

Recomendações para aqueles que buscam uma consultoria

É necessário que haja uma empatia muito grande, para que dê certo. Também é bom verificar os trabalhos anteriores do consultor, para ver se tem a ver com o projeto que será realizado, e como é a atuação dele no mercado. É muito importante fazer ao consultor todas as perguntas pertinentes. E, claro, entrar no site do FCSI (www.fcsi.org) e buscar no campos dos consultores do Brasil, que todos estão ali com seus contatos.

Alto índice de mortandade

A mortandade no negócio de alimentos é alta no mundo todo, e não só no Brasil. Esse é um setor que causa muito encantamento. E isso acaba fazendo com que as pessoas esqueçam o lado negócio. Não é porque a pessoa é um chef de cozinha, ou ela tem bastante dinheiro, que ela terá sucesso no mercado de alimentação fora do lar.

É preciso um preparo muito grande, sem ter pressa de abrir. É necessário planejar, estudar o mercado. Aquele pensamento de que “comida todo mundo tem que comer”, ou que “comida dá dinheiro” são premissas falsas, que não correspondem à realidade. E o planejamento tem que ser multidisciplinar, planejando o produto, o seu ambiente, o serviço, o financeiro.

A ficha técnica tem que ser feita antes do restaurante ser aberto.  Não se pode desperdiçar recursos no lugar errado. Como o mercado tem se profissionalizado cada vez mais, a concorrência profissional faz com que os amadores tenham menos chance de sobrevivência.

Existem também os problemas pontuais: ninguém sabe o tamanho do trabalho que dá, e a pessoa não reserva um dinheiro para a sobrevivência até a maturação do negócio, pois nos primeiros tempos do restaurante não haverá retirada.

Próximos passos da FCSI no Brasil

O FCSI Brasil oficialmente não existe. Hoje fazemos parte do capítulo América Latina. Mas os brasileiros são mais da metade. Há 36 consultores na América Latina, e só do Brasil são 20.  O Brasil é o país com mais consultores de foodservice filiados à FCSI na América Latina. Em 2014 éramos em número de 02, e agora somos em 20. Foi um crescimento bastante considerável.  O FCSI Brasil está integrado ao crescimento mundial do FCSi.

Este ano conseguimos um calendário mensal, com reuniões  bem interessantes do FCSI Brasil, com assuntos pertinentes ao mercado. Estabelecemos um programa de intercâmbio de conhecimento interno, com temas como mercado, tendência, tecnologia. E também estamos com um projeto chamado FCSI Tao BR. O que for produzido nesses nossos encontros mensais será divulgado. O meu desejo e o meu trabalho é que possamos ter um capítulo até o próximo ano. Para isso, temos  que chegar a 26 consultores.

FCSI – Foodservice Consultants Society International


 www.fcsi.org

Mapa Assessoria

http://www.mapaassessoria.com/


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade
Publicidade

Para receber a newsletter Infood, digite seu e-mail no box abaixo e clique na seta.

© 2019 Infood - Todos os direitos reservados