O produto, cuja função primordial é apresentar o menu do estabelecimento, também pode atuar como uma poderosa ferramenta de marketing de conteúdo

O cardápio está para o restaurante assim como o coração está para o corpo humano. Trata-se de um instrumento vital para a saúde do seu negócio, e que deve ser elaborado com base no que o estabelecimento pode oferecer de melhor para seus clientes, uma vez que esta ferramenta já comunica muito sobre sua marca. Disposição dos pratos, design, ortografia correta, entre outros aspectos são fundamentais para que seu cardápio cause um impacto positivo no público. No entanto, outro fator importante desperta dúvida em muitos proprietários de bares e/ou restaurantes: ter um cardápio com foto ou sem foto dos pratos nas opções?

A princípio, é necessário pesar os prós e contras de utilizar imagens no cardápio dentro do seu modelo de negócio. Nas hamburguerias, por exemplo, a suculência de um lanche é transmitida por meio da imagem, muito mais do que por um breve texto descritivo, o que pode influenciar diretamente nas vendas. Enquanto, por outro lado, um cardápio sem fotos pode dialogar melhor com um estabelecimento com uma proposta mais minimalista e objetiva.

Foto profissional para o cardápio do Souk Burger

Após refletir sobre esta questão, Tarik Bechara, proprietário da hamburgueria árabe Souk Burger, localizada no bairro de Pinheiros, em São Paulo, está refletindo sobre alterar o modelo que sempre utilizou. “Nós nunca utilizamos fotos de nenhum dos nossos produtos porque eu avaliava que assim entregaria um material mais clean, direto e compacto para o cliente escolher. No entanto, estamos querendo mudar isso e inserir imagens no cardápio a fim de apresentar melhor os ingredientes do lanche e a aparência deste em si”, explica Tarik.

Tenho certeza que juntar algumas fotos a parte descritiva será mais interessante. Somos uma hamburgueria, então comecei a pensar que se apresentarmos os lanches com imagens, seria mais fácil para o cliente visualizar os ingredientes e a forma do hambúrguer em si. Fora que lanches, com fotos, são sempre mais impactantes”, complementa o empresário.

A ideia que está se consolidando na mente de Tarik, já foi colocada em prática no bistrô cervejeiro Empório da Cerva, localizado na Vila Mariana, em São Paulo “O cardápio com fotos foi excelente para o nosso negócio. Desde que colocamos as imagens notamos que os pratos começaram a sair mais”, revela a chef proprietária Patricia Horta. “Aconselho muito que, quem puder, invista em um fotógrafo de gastronomia pois a qualidade das fotos fica excepcional”, finaliza.

Geralmente a inclusão das fotos no cardápio traz alguns benefícios, além do aumento de vendas dos produtos com foto. Em determinados casos, as fotos podem facilitar o entendimento por parte do cliente, aumentando e agilizando o giro da casa.

 Henrique Fogaça em seu restaurante Cão Veio, sem utilização de fotos nos cardápios para incentivar a venda sugestiva
Henrique Fogaça em seu restaurante Cão Veio, sem utilização de fotos nos cardápios para incentivar a venda sugestiva

Em contrapartida, o Cão Véio, restaurante dos sócios Henrique Fogaça, chef de cozinha, Fernando Badauí, vocalista da banda CPM 22 e Marcos Kichimoto, optou por não incluir fotos no cardápio. “Nunca trabalhamos com imagens. A descrição dos pratos é bem clara e completa, e os garçons podem indicar um determinado prato para os clientes conforme o que eles desejam”, explica Marisol Lopes Villena, que ao lado de Maribel, comandam a unidade do Itaim, inaugurada em 2017.

Não existe regra. A necessidade/interesse de investir ou não em um cardápio com foto varia de negócio para negócio. Enquanto alguns estabelecimentos apostam nas imagens como uma espécie de “marketing de conteúdo”, outros optam pelo modelo antigo e deixam o garçom dar sugestões a respeito dos pratos e tirar as dúvidas dos clientes direto na mesa.

Redação


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade
Publicidade

Para receber a newsletter Infood, digite seu e-mail no box abaixo e clique na seta.

© 2019 Infood - Todos os direitos reservados